Processo Seletivo DAF 2021 12


22 Fevereiro 2022
 
Tambor de gambá é um instrumento feito a partir de um tronco de árvore e usado em algumas manifestações culturais da Região Norte, como o Gambá, retratado no documentário Gambá, Música e Territorialidade, de Pedrinho Callado (Imagem: Reprodução/ YouTube)

A serafina é uma dança folclórica tradicional do Amazonas e popular durante as festas juninas.

É uma espécie de quadrilha regionalizada, na qual um marcador, que é quem dirige o grupo, anuncia o nome dos movimentos a serem desenvolvidos (conhecidos como “batição”).

Esses movimentos, executados em círculos ou em fileiras, têm denominações próprias como, por exemplo, "puçá", "lance alto”, "arrodeio baixo" e "arrastão". A dança é realizada em pares.

Cada batição possui letra no estilo solo e refrão.

Os participantes não usam sapatos e carregam elementos simbólicos, como remos e arpões. Também são usados lenços grandes atados em volta do pescoço, fitas coloridas presas à cintura e chapéus de palha – todos esses adereços são integrados à coreografia por meio de diferentes movimentos.

A música, caracteristicamente rural, é tocada com instrumentos como o cavaquinho, o reco-reco, o violão e o tambor de gambá (feito a partir de tronco de árvore).

A serafina é uma das danças regionais apresentadas na Live Folclórica 2021, realizada pelo Governo do Amazonas e transmitida pelas redes sociais. O vídeo do evento, que destaca a cultura amazonense, está disponível no YouTube.

Manifestações culturais ligadas à música, à dança e à religião são símbolo de resistência, da identidade e da história de diversos territórios e povos. No Brasil, essas manifestações tiveram origem ou influência africana, indígena e, também, europeia. São exemplos: o afoxé, a banda de pífanos, o siriri, serafina, o tambor de crioula, o ticumbi e o cavalo-marinho.

Fontes:

Tesauro de Folclore e Cultura Popular Brasileira

Veja também:
Mídias Relacionadas
Relacionados
Mais Recentes