Com o sistema de capitanias hereditárias, a Coroa portuguesa pretendia expandir a fé cristã, defender e assegurar seu domínio sobre as terras americanas.

DJoaoIII t
D. João III criou o sistema de capitanias hereditárias, em 1534, e instaurou o governo-geral, em 1548. Réplica de quadro atribuído a Cristóvão Lopes. Domínio público, Anthonis Mor

O rei de Portugal, D. João III, decidiu dar início, em 1534, à colonização efetiva no litoral brasileiro, baseada no sistema de capitanias hereditárias.

Com esse sistema, o monarca pretendia defender e assegurar o domínio da Coroa sobre as terras americanas e expandir a fé cristã nesse novo território.

O modelo da colonização empreendida apoiou-se na grande propriedade rural monocultora e no trabalho escravo dos nativos americanos e dos negros africanos.


Notice: Undefined property: stdClass::$idPai in /srv/www/multirio/html/templates/historiadobrasil/html/com_content/article/default.php on line 85